Contato: (66) 3426-0782

(66) 99925-8858

“Mente e corpo trabalhando juntos para uma melhor qualidade de vida!”



Pilates e Escoliose: melhora da flexibilidade e dor
jul 30

Pilates e Escoliose: melhora da flexibilidade e dor

Foto: Chico Audi

A escoliose é uma deformidade da coluna vertebral em forma de “C” ou “S”, entretanto existem outros desvios da coluna que podem estar associados, como a rotação vertebral, cifose torácica e lordose lombar ou cervical. Esta deformidade pode ser causada por inúmeras doenças e que analisada quanto a sua flexibilidade se divide em não estruturais ou corrigíveis com a eliminação da causa, e estruturais ou permanentes.

É comum as crianças desenvolverem algum tipo de desvio na coluna, porém, dores são mais comuns na fase adulta, principalmente se não forem adotados hábitos e tratamentos adequados. Mudar os hábitos e incluir exercícios físicos entre as atividades de rotina ajudam a amenizar esse problema e evitar dores.

O Pilates trabalha o corpo de uma forma global, enfatizando os princípios básicos, dentre eles: respiração, posicionamento da pelve, posicionamento da caixa torácica, movimentação e estabilização da cintura escapular e posicionamento da cabeça e coluna cervical. Trazendo essa consciência ao praticante, fará com que se habitue a posturas mais adequadas no seu dia a dia, aliviando dores nas costas e amenizando o desvio da escoliose.

Para quem é portador de escoliose é bom atentar-se:

• Durante o seu trabalho se ficar sentado, deve alinhar-se, manter sua postura alinhada e de forma que não tencione os músculos, principalmente, cervicais e lombares;

• Tenha cuidado ao carregar pesos, levante os pesos de forma correta, e tente carregá-los divididos entre os lados, caso isso não seja possível reveze entre os ombros ou braços;

• Use calçados confortáveis/ adequados diariamente e quando for realizar alguma atividade física use obrigatoriamente tênis;

• Sempre respeite as limitações do seu corpo, principalmente em caso de dores;

• Pratique atividade física e siga a orientação de um profissional qualificado, não tente fazer um treino ou tratamento sozinho, isso poderá ser muito prejudicial ao seu bem estar e a saúde física de seu corpo.

O Pilates tem a capacidade de oferecer fortalecimento, alongamento e equilíbrio corporal, proporcionando melhor alinhamento vertebral, reduzindo as tensões musculares e as compressões discais, devido à flexibilidade que vai sendo adquirida pelo corpo, proporcionando alívio aos praticantes com escoliose e ainda prevenindo o agravamento da doença.O cuidado está na hora da prática, o pilates como método de reabilitação para escoliose baseia-se no grau da lesão, na intensidade dos sintomas, nos fatores adicionais a esta lesão e na capacidade de execução dos exercícios pelo praticante. Não deve haver sobrecarga ou dor, nem durante, nem após a execução.

Pratique Pilates!

Fonte:

10 de Julho de 2012 por: Revista Pilates

http://www.revistapilates.com.br

 

Adicionar um comentário

Top