Contato: (66) 3426-0782

(66) 99925-8858

“Mente e corpo trabalhando juntos para uma melhor qualidade de vida!”



Benefícios

Conheça 17 Benefícios do Pilates:

• Aumenta a resistência física e mental;
• Aumenta a flexibilidade;
• Melhora do desempenho sexual;
• Melhora do desempenho desportivo;
• Estimula a coordenação motora;
• Previne lesões, fadigas e fraturas;
• Previne doenças e reabilita;
• Definição muscular;
• Controla peso corporal;
• Fortalece articulações;
• Aumenta a concentração;
• Elimina toxinas;
• Diminui o estresse e a ansiedade;
• Melhora da postura;
• Fortalece os órgãos internos;
• Estabiliza pélvis e ombros;
• Promove relaxamento e bem estar. 

Princípios do Pilates

São 6 os Princípios do Método Pilates definido por seu criador. “Produzir um corpo uniformemente condicionado, flexível e forte a partir do controle total da mente sobre o corpo, harmonizando suavidade e precisão na execução dos movimentos”.

Respiração: A respiração deve ser o 1º exercício ensinado ao praticante do Método. Ensine-o a executar de forma lenta e relaxante, inspirando pelo nariz e expirando pela boca. Joseph enfatizava a importância da respiração que mantém uma circulação e oxigenação do sangue, eliminando gases nocivos. Deve-se coordenar a respiração durante toda a realização do movimento, a inspiração e a expiração corretas e centradas em todos os movimentos trabalham a capacidade máxima dos pulmões e a consciência corporal. Lembre-se a respiração alimenta o corpo e o cérebro, o oxigênio é a forma de rejuvenescimento e FORÇA VITAL. É bastante comum respirarmos superficialmente usando apenas uma fração da capacidade do pulmão. A respiração é o fator primordial no início do movimento, fornecendo a organização do tronco pelo recrutamento dos músculos estabilizadores profundos da coluna e favorecendo o relaxamento dos músculos inspiratórios e cervicais.

Concentração:  À atenção voltada exclusivamente ao movimento! Para que os praticantes possam se beneficiar totalmente do trabalho, os exercícios devem ser executados com máxima concentração. É a mente que guia o corpo, deve-se levar em conta cinco aspectos para realização do trabalho: inteligência, intuição, imaginação, vontade e memória. A concentração traz controle e coordenação neuromuscular, que garante movimentos seguros além de evidenciar o exercício da propriocepção. Sua mente e seu corpo atentos aos músculos que estão sendo trabalhados enviando ao Sistema Nervoso Central maior números de impulsos nervosos para o exercício e assim a execução tendo maior eficiência. Quando mente e corpo trabalham juntos, conseguimos um programa de exercícios ideal.

Centralização ou Power House: Nosso corpo tem um centro de força de onde se originam os movimentos, o fortalecimento desta musculatura proporciona a estabilização do tronco e um alinhamento biomecânico com menor gasto energético aos movimentos. O Método têm seu foco no Centro de Força de forma a estabilizar o tronco e permitir que o corpo trabalhe em alongamento axial. O Power House forma uma estrutura de suporte, responsável pela sustentação da COLUNA e órgãos internos, inclusive os músculos que compõem o períneo.Toda a energia requerida para a execução dos exercícios é iniciada no centro de força, fluindo para as extremidades.

Precisão: De fundamental importância na qualidade do movimento, sobretudo ao realinhamento postural do corpo. Consiste no refinamento do controle e equilíbrio dos diferentes músculos envolvidos em um movimento. O instrutor ao prescrever o exercício ele deve explicar ou até mesmo demonstrar de forma nítida a posição e a execução para que o aluno/praticante o realize de maneira correta, perfeito. É importante ter precisão em todos os movimentos a fim de aprimorar a coordenação motora evitando contrações musculares indesejáveis.

Fluidez:  Não permita a execução de movimentos bruscos, violentos, rápidos ou descontrolados, pois eles constituem uma antítese total da proposta do método. Cada movimento é planejado para ser realizado de uma maneira suave, natural e rítmica. A execução do exercício é feita de forma fluida e harmoniosa.

Controle: Este princípio busca perfeição dos movimentos, qualidades dos exercícios, NÃO quantidade, evitando lesões e gerando resultados positivos. Todo trabalho deve ser feito de forma lenta, como se estivesse meditando. É sempre indicado realizar poucas repetições, suaves e controlada, ao realizar dezenas de movimentos sem nenhuma eficácia. Frase de Joseph “Poucos movimentos bem feitos, realizados de forma correta e equilibrada valem por muitas horas de ginástica”.